.fartura pra sermos completos.

Copo meio cheio, copo meio vazio.
Corpo meio cheio, corpo meio vazio.
Gente também precisa de recheio.
Densidade e conceito.
Mente sempre cheia, só de vez em quando, vazia.
Alma meio cheia, alma meio vazia.
Pessoas de barriga cheia, pessoas de barriga vazia.
Que toda carência de significado e arrimo seja, deveras, satisfeita.
E que não nos cerquemos de abismos de escuros e nada.
Discursos meio cheios, discursos meio vazios.
Certezas sempre tão cheias de ideias tão sempre vazias.
Todo tempo precisa de esteio.
Toda vida precisa de anseio.
Pra não ficar em cima de muros
Ou de mentiras, no meio.
Essência – pra ser mais que farofa e ego.
Sem eco, sem oco e sem asco.
O mundo já tá bem cheio de vácuo.
E de vazio, já bastam os domingos de março…

Comentários

Comentários