.enquanto caminho.

Ontem estive do seu lado dando voltas em torno de uma praça, tomando sorvete e lembrando canções. Leve. Sem objetivo algum. Nossas passadas curtas, despretensiosas, revelaram um ritmo nosso, que se modificou a cada desencontro e a cada abraço. E, enquanto nossos pés simultaneamente iam em direção ao nada, cheguei mais perto de uma constatação que […]

.é preciso amar a ar.

É bom que o amor não tenha explicação. É bom que possamos dar a ele a altura e a largura que queremos. É bom que não saibamos nunca exatamente o que é o amor. Assim podemos oferecê-lo a muitos e de muitas maneiras. É bom que seja eterno, mesmo que acabe. Que sobreviva a falhas […]

.a vida que é a viagem.

Viajar é a melhor coisa do mundo? Não. A melhor coisa do mundo é viver. E viver é todo dia. É apertar as mãos, comer brigadeiro, dançar sozinho em casa. É encontrar a chave perdida, tomar café na padaria, gastar conversa fiada no bar. Viver é desenhar em guardanapos, arroz com feijão, ler livros. É […]