.livros de amor.

“Como eu era antes de você”, “A Culpa é das Estrelas” e a saga “Crepúsculo” têm várias coisinhas em comum. Só pra citar alguns exemplos nesse sentido: todos eles ganharam o topo de várias listas de “mais vendidos”, todos viraram filme e absolutamente todos podem ser considerados livros “de amor”. E a verdade é que […]

.a liberdade vale muito.

 Eu vivo dizendo que formação política e histórica não se faz só dentro de sala de aula. Mais: essa formação depende de boa vontade e curiosidade. Nem todo mundo teve, nem todo mundo tem, nem todo mundo terá. E já que este texto parte da primeira pessoa, preciso dizer que, sim, já conversei com gente […]

.não precisamos odiar Paulo Coelho.

A vida é, infelizmente, repleta de comparações. Algumas cabem para se fazer escolhas e para não se repetir erros, mas é preciso tomar muito cuidado para não insistir em comparar o que não tem comparação: filme do Tim Burtom com blockbuster de super-heróis, contos de fadas com folclore brasileiro, café coado em coador de pano […]

.21 de março – Dia Mundial da Poesia.

Hoje, enquanto dava uma aula usando o livro “Fábulas Palpitadas”, do Pedro Bandeira, uma aluna me lembrou que hoje era também Dia Mundial da Poesia (além de Dia Internacional contra a Discriminação Racial, Dia Universal do Teatro e Dia Mundial da Síndrome de Down). Por isso, só pra não deixar passar em branco, resolvi indicar […]

.o último livro que li: Mitologia Viva – Aprendendo com os deuses a arte de viver e amar (Viktor D. Salis)

“Só havia um caminho proposto aos homens para a consecução de seu destino: encontrar os meios para cumprir o máximo juramento de Hades, quer era dedicar a vida à nobreza, à beleza e à bondade. Este era considerado o juramento a ele, sendo a condição para voltar a viver, e por isso era chamado de “vingado dos juramentos”. […]