.é preciso amar a ar.

É bom que o amor não tenha explicação. É bom que possamos dar a ele a altura e a largura que queremos. É bom que não saibamos nunca exatamente o que é o amor. Assim podemos oferecê-lo a muitos e de muitas maneiras. É bom que seja eterno, mesmo que acabe. Que sobreviva a falhas […]

.amor é silêncio.

O momento que antecede o beijo. O silêncio após uma briga. O último toque antes de dormir. O amor é pausa e reticência. Cheio de quases, aindas e talvez. O hiato dolorido que mora na distância. O intervalo entre um sorriso e outro. O sigilo do entre quatro paredes. Os segredos contados com o olhar. É o espaço […]

.nota sobre o amor.

Fica, não fica. Beija, não beija. Casa, não casa. Trai, não trai. Volta, não volta. Perdoa, não perdoa. Dura, não dura. Investe ou não. Liga, não liga. Transa, não transa. Responde, escreve, desliga, espera. Vai, não vai. Quer, não quer. Será? E se…? Vez ou outra amar parece labirinto, com suas mil entradas possíveis e tantos […]

.das banalidades que alimentam o amor.

Pinte as unhas de vermelho. Essa calça azul de novo? Pra que parar agora? Eu gosto. Eu não. Bonita a chuva lá fora. Um sono que dá. Vem pra cama. Não posso ainda. Vou estudar. Já li. Vem agora. Um filme? Quer sorvete? Tenho medo do silêncio. Me abraça. Tô contigo. Não quero ir. Por favor. […]