.mantra.

Amor-próprio é tarefa diária. Projeto pra uma vida inteira. Item de necessidade primária pra quem veio ao mundo sendo mulher. Amor-próprio é liberdade e salvação, mas não vem fácil. Escondido em espelhos treinados para nos despedaçar, soterrado pelas comparações que nos são impostas, sufocado pelos padrões das marcas, das revistas e das novelas. Amor próprio não vem de fábrica. É item extra, caro e raro. Mas indispensável para a construção de uma mente sã e um espírito leve. É escudo contra os que tentam nos diminuir. E fundamento para a conquista de bons relacionamentos. Amor-próprio é sobre aceitação. E é sobre sermos, antes de tudo, fiéis a nós mesmas, ao que queremos, ao que acreditamos e ao que somos, de fato. Amor-próprio é uma força, é um tesouro, é um poder. Não é vaidade superficial. Todo mundo precisa cultivar. Ser para si uma companhia suficiente. Doar-se aos outros sem negligenciar as próprias necessidades. Estima apesar das marcas, apesar das rugas, sardas e cicatrizes. É também uma espécie de coragem. Todo mundo precisa ter afeto por si. Amor-próprio é o princípio de um caminho para evolução. É grito. É dança. É revolução. É preciso aprender: somos lindas como somos.

Comentários

Comentários

Last Modified on outubro 4, 2018
This entry was posted in Inspiração
Bookmark this article .mantra.