.declaração de amor fraterno.

hoje falamos mais tarde, silêncio e teu amor ecoando dentro de mim revirando meu corpo moído de saudade hoje falamos pra abraçar-nos distantes e tarde da noite ainda sentia tuas mãos em minhas costas hoje falamos coração esmagado de vontade de te ver sentir teu riso sincero beijar teu amor fraterno ser tua maior companheira […]

.bela, recatada e do lar.

Sou gentil, mas não me calo. Cordial, mas não me omito. Por onde eu ando, rebolo ao lado de quem quiser. Eu tive exemplos maiores. Da minha história, sou fruto. Eu tenho ideais e utopias, pelos quais, eu discuto e luto. Eu brindo com cerveja ou vinho, a depender da noite ou do dia. E bebo pra combinar com meu caos ou calmaria. Sou […]

.a liberdade vale muito.

 Eu vivo dizendo que formação política e histórica não se faz só dentro de sala de aula. Mais: essa formação depende de boa vontade e curiosidade. Nem todo mundo teve, nem todo mundo tem, nem todo mundo terá. E já que este texto parte da primeira pessoa, preciso dizer que, sim, já conversei com gente […]

.dia do beijo.

A melhor pausa do dia. O cheiro que abraça a alma. O quente da pele que mistura as ideias. Afago que é do encontro, ensejo. Leitura de olhos fechados. De poro, respiro e carinho. Contato que chega de manso. E transforma o redor em lampejo. Que rompe com a rotina que esmaga. Levita o corpo pesado. Desenrola […]

.sobre medo de amar e outras cismas.

Os amigos são prova irrefutável de que somos capazes de nos apaixonar muitas vezes pelas mesmas pessoas ou novamente por outras, quando necessário. E é claro que não é fácil recomeçar. Pra todo início existe o esforço, e de vez em quando, o medo. Pra todo esforço, a preguiça. Pra todo medo, a vontade de não tentar. […]